página inicial/notícias

OUTUBRO 2006 |NOVEMBRO 2006|DEZEMBRO 2006 |JANEIRO|FEVEREIRO|MARÇO|ABRIL
MAIO|JUNHO|JULHO

“VILARANDELO - TURISMO E PATRIMÓNIO”

A Câmara Municipal de Valpaços encontra-se neste momento a elaborar um projecto cultural denominado “Vilarandelo - Turismo e Património” que, pretende recuperar, revitalizar, e valorizar o património arqueológico da Freguesia de Vilarandelo, melhorando a imagem do mundo rural, da sua forma, da sua história, das suas actividades e da sua cultura.
Com conclusão prevista para o próximo mês de Dezembro, este projecto cruza seis objectivos principais : a preparação de um centro interpretativo no castro de Vila Nova; trabalhos de recuperação e de valorização de sítios históricos e arqueológicos; a organização de espaços de informação e divulgação; produção de material de divulgação; desenvolvimento de um modelo de pesquisa e ainda a difusão e gestão do projecto.
Integrado neste projecto, a Câmara Municipal de Valpaços, encontra-se neste momento a revitalizar o espaço da Praça do Toural, em Vilarandelo, também conhecido como o Largo da Feira. No início do próximo ano, os habitantes da vila de Vilarandelo vão poder usufruir de um espaço completamente revitalizado com áreas pedonais, espaços verdes, espaço para estacionamento automóvel, ciclovias, coreto, espaço para jogos tradicionais e ainda um palco permanente para todo o tipo de espectáculos ao ar livre.
Trata-se de um investimento da Câmara Municipal de Valpaços com a finalidade de melhorar a qualidade ambiental de Vilarandelo, proporcionando aos seus munícipes um novo espaço de cultura e lazer.
Esta intervenção, pautada pela modernidade e qualidade, prevê o tratamento e a caracterização deste espaço público proporcionando a melhoria das condições para o uso e vivência de toda a zona do Largo da Feira, considerada património cultural da vila de Vilarandelo.
A elaboração destes projectos teve um custo total de cento e setenta e seis mil euros, sendo que cinquenta por cento do projecto foi financiado pelo Programa de Iniciativa Comunitária LEADER +/ADRAT.
29.11.06

ORÇAMENTO MUNICIPAL PARA 2007 APROVADO POR MAIORIA

Foi aprovado por maioria, na sessão da Assembleia Municipal de 24 de Novembro, o Orçamento do Município de Valpaços para o ano de 2007, bem como o Plano Plurianual de Investimento que, por sua vez, também foi aprovado por maioria.
Apesar dos condicionamentos financeiros, o Orçamento para o ano de 2007 seguirá a política orçamental que tem vindo a ser seguida pelo Município de Valpaços, apesar da contenção da despesa pública imposta quer por factores internos, quer pela própria imposição governamental da nova Lei das Finanças Locais.
Segundo o Presidente da Câmara Municipal de Valpaços, Francisco Tavares, “com o decorrer do tempo vai-se incutindo na opinião pública portuguesa, a necessidade de contenção de gastos da Administração do Estado em que as Autarquias se integram, reduzindo fortemente as despesas de gestão, alterando um modelo que vinham seguindo, mas obedecendo sempre a princípios e ao respeito escrupuloso das Leis do Estado”.
Desta forma, as perspectivas para o ano de 2007 apontam para a manutenção do dinamismo evidente ao longo de 2006, embora em regime de contenção de despesas. Assim, o Orçamento aprovado importa tanto na Receita como na Despesa o valor de 32.207.170 euros (trinta e dois milhões, duzentos e sete mil, cento e setenta euros).
Deste valor, as fatias maiores vão ser divididas entre as Funções Sociais, nas quais se englobam as despesas com a educação, a acção social e o ordenamento do território e as Funções Económicas, divididas entre os transportes e comunicações e os melhoramentos da rede viária do concelho.
A reorganização da rede escolar veio aumentar de modo significativo as despesas da autarquia com o transporte e alimentação dos alunos deslocados. Deste modo, “a assunção das actividades extracurriculares e das refeições no ensino básico, bem como o aumento da rede de transportes e acção social escolar, obrigou a contratação de docentes, auxiliares e vigilantes, agravando em muito as despesas correntes das Câmaras Municipais”, salienta Francisco Tavares.
Apesar da contenção, o Orçamento para o ano de 2007 do Município de Valpaços representa o interesse da autarquia no cumprimento de todas as funções do interesse local imediato, ao conseguir assegurar as principais necessidades das populações do concelho.
O Orçamento do Município de Valpaços para 2007 encontra-se disponível na página da Internet, www.valpacos.pt/autarquia/documentos_previsionais.html.
29.11.06

CARTA EDUCATIVA DO CONCELHO DE VALPAÇOS

Foi aprovada, por unanimidade, em Reunião de Câmara, no passado dia 15 de Outubro, a Carta Educativa do Concelho de Valpaços.  A aprovação final da Carta Educativa irá ter lugar na próxima sessão da Assembleia Municipal do Município de Valpaços, a realizar no próximo dia 24 de Novembro.
A Carta Educativa do concelho de Valpaços tem como objectivo transformar-se num instrumento de planeamento e de intervenção no planeamento e ordenamento da Rede Educativa, com o objectivo de melhorar a educação e o ensino no concelho de Valpaços.
O trabalho de elaboração desta Carta Educativa foi repartido em duas fases. Numa primeira, procedeu-se à realização do diagnóstico da situação para uma melhor compreensão da realidade actual da educação. Numa segunda fase, definiu-se a estratégia de actuação e as acções estruturantes a implementar
Desta forma, com a reorganização da Rede Escolar prevista nesta Carta Educativa, no ano lectivo de 2006/2007, irão funcionar a curto prazo, no concelho de Valpaços 19 núcleos educacionais, (Vilarandelo, Carrazedo de Montenegro, Lebução, Valpaços, Veiga de Lila, Fornos do Pinhal, Possacos, Valverde, Canavezes, Água Revés, Santa Maria de Émeres, Silva, Argemil, São João da Corveira, Argeriz, Santiago, Ferrugende, Frutuoso e Vassal), núcleos que progressivamente irão ser extintos.
Assim, num prazo máximo de dez anos, irão funcionar no Concelho de Valpaços quatro núcleos educacionais (Valpaços, Vilarandelo, Carrazedo de Montenegro e Lebução) com todas as condições físicas e humanas para a aprendizagem dos alunos do concelho.
20.11.06

FERIADO MUNICIPAL DO CONCELHO DE VALPAÇOS

Teve lugar, no passado dia 6 de Novembro, mais uma celebração do Feriado Municipal de Valpaços. No dia em que o concelho de Valpaços comemorava 170 anos de existência, o Município agendou uma série de actividades comemorativas.
Estas actividades tiveram início às nove da manhã com o hastear da bandeira nos Paços do Concelho, seguindo-se a entrega de prémios aos melhores alunos do Município, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.
As dez da manhã teve lugar a Apresentação Pública da Obra “Os Sumagreiros de Avarenta”, da autoria de Adérito Medeiros Freitas.
Esta obra foi apresentada por Augusto Sequeira Lage, que salientou a importância da obra de Adérito Medeiros Freitas na “pesquisa e descoberta do nosso património histórico”.
Segundo o Presidente do Município de Valpaços,  Francisco Tavares, esta obra de Adérito Medeiros Freitas é “fruto do trabalho e do empenho do autor pelo concelho de Valpaços, não deixando cair no esquecimento o património que é de todos nós”.
Para finalizar o dia comemorativo do Feriado Municipal, teve lugar, pelas 21h00, na Igreja Matriz de Valpaços, um concerto da Orquestra do Norte, acompanhada pelo Grupo Coral de Chaves.

FEIRA DA CASTANHA 2006 EM CARRAZEDO DE MONTENEGRO

Durante o passado fim-de-semana, dias 4 e 5 de Novembro, milhares de pessoas deslocaram-se às instalações da Escola EB 2,3 José dos Anjos, para a X Edição da Feira da Castanha de Carrazedo de Montenegro - Castmonte 2006.   
Nesta décima edição da Feira da Castanha, os visitantes tiveram oportunidade de encontrar cerca de 45 expositores de produtores de Castanha, assim como uma série de barraquinhas gastronómicas com produtos típicos da região.
A abertura oficial da X Edição da Feira da Castanha decorreu no sábado, dia 4 de Novembro, pelas 15H00, e contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Valpaços, Francisco Tavares, Secretário de Estado da Agricultura e Pescas, Luís Medeiros Vieira, Governador Civil de Vila Real, António Martinho, Presidente da Junta de Freguesia de Carrazedo de Montenegro, Alípio Barreira, bem como diversas entidades.
Domingo, dia 5 de Novembro, pelas 10h00, foi a vez do grupo de animação de rua “Bomboémia” da Universidade do Minho, percorrer a vila de Carrazedo de Montenegro, divertindo a população. Pelas 15h00, teve início o Concurso da Castanha e Cerimónia de entrega de prémios. Seguidamente, o recinto da feira foi animado por diversos Ranchos Folclóricos da Região, Concertinas e Grupos de Música Popular da Universidade do Minho. O encerramento desta X Edição da Feira da Castanha- Castmonte teve lugar pelas 20h00.
A X Edição da Feira da Castanha de Carrazedo de Montenegro-Castmonte 2006 foi, uma organização conjunta da Câmara Municipal de Valpaços, da Junta de Freguesia de Carrazedo de Montenegro e da Associação Regional dos Agricultores das Terras de Montenegro (A.R.A.T.M).

voltar